Coordenadoria de Serviços Diversos (3202-5429)

A Coordenadoria de Serviços Diversos (CSD) é responsável pela guarda de bens apreendidos nos logradouros públicos pelas fiscalizações, pela proteção e estética da cidade (publicidade indevida, entulhos, sucatas e carcaças colocadas em via pública) e administração dos cemitérios municipais.

 

Cemitérios Municipais:

·         Pirajá;

·         Plataforma;

·         Periperi;

·         Paripe;

·         Brotas;

·         Itapoã;

·         Ilha de Maré;

·         Ilha de Bom Jesus dos Passos;

·         Ilha Ponta de Nossa Senhora;

·         Paramana (Ilha dos Frades).

 

- Procedimentos para enterro nesses cemitérios:

A família liga para a Central de Marcação para Sepultamento para solicitar o serviço pelos telefones (71) 3302-4951/ 3202-4952/ 3202-5472. O setor funciona todos os dias, inclusive feriados, das 8h às 12h e das 13h às 16h.

 

O responsável deverá informar o nome do falecido para que a Coordenação de Cemitérios possa agendar o sepultamento, de acordo com as vagas disponíveis no sistema municipal. A central irá orientar sobre os documentos necessários e emitirá um DAM (Documento de Arrecadação Municipal) 

 

O enterro em cova rasa para adulto custa R$36,00 e para criança R$18,00, a gaveta custa R$122,00. Quando a família recebe o auxilio funeral da SEMPRE, pode-se conseguir isenção nas taxas funerárias. A família deve entrar em contato com o setor, através dos telefones 3202-4951/ 3202-4952, informando sua situação.

 

Cremação: A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Ordem Público (Semop), disponibiliza o serviço de cremação gratuita no Cemitério Jardim da Saudade.

 

Procedimentos para Cremação: 

Tanto para sepultamento quanto para cremação a família deve entrar em contato com a Central de Marcação para Sepultamento, através dos telefones (71) 3322-1037/3266-2194.

Exigências do Cemitério Parque Jardim da Saudade para viabilizar a cremação:

·         A cremação poderá ocorrer desde que haja manifestação do falecido em instrumento público ou particular. Nessa hipótese, o instrumento deverá contar com a assinatura do declarante e de mais três testemunhas, todas com as firmas reconhecidas;

 

·       Na falta de uma manifestação em vida, a cremação somente será possível com a apresentação da documentação legalmente exigida e com a autorização dos parentes de grau direto, na seqüência: cônjuge sobrevivente (esposo (a) / companheiro (a) legalmente reconhecido (a)), pais, filhos e irmãos, desde que maiores de idade;

 

·         Ocorrendo o falecimento, deve ser obtida a Guia de Sepultamento, firmada pelo médico assistente e outro;

 

·        Somente serão cremados os corpos quando a morte for por causas de doenças crônicas, como acidente vascular cerebral, parada cardíaca, insuficiência respiratória, A.I.D.S., câncer, diabetes, senilidade, morte natural, etc., sempre com a guia de sepultamento;

 

Quando a morte decorrer de acidente, homicídio, ou por causa indeterminada, considerada não natural ou violenta, será atestada por um médico legista e a cremação dependerá de autorização judicial e liberação de autoridade policial. 

156